quinta-feira, 2 de junho de 2011

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro dá nove troféus a Tropa de Elite 2

Filme de José Padilha ficou com prêmios como melhor diretor, melhor ator para Wagner Moura e melhor longa-metragem de ficção.

Com nove troféus, Tropa de Elite 2 foi o destaque da 10ª Grande Prêmio do Cinema Brasileiro dá nove troféus a Tropa de Elite 2 thumbnail edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, em cerimônia realizada nesta terça-feira, dia 31, no Teatro João Caetano, Rio de Janeiro.

Dirigido por José Padilha, o filme concorreu em 16 das 27 categorias e teve Chico Xavier, também com 16 indicações, como seu maior rival. A trama envolvendo o Capitão Nascimento (foto) levou os prêmios de melhor diretor, melhor ator (Wagner Moura), melhor longa-metragem de ficção e melhor longa escolhido por voto popular, entre outros.

Aproximadamente 1.500 pessoas – entre técnicos, diretores e atores – lotaram o espaço para prestigiar a premiação, criada em 2002 pela Academia Brasileira de Cinema. A edição deste ano teve como homenageados especiais o casal Lucy e Luis Carlos Barreto, que completam 50 anos de cinema neste ano.

A homenagem que a atriz Marieta Severo fez à também atriz Norma Bengell foi um dos momentos mais emocionantes da festa. “Se estivéssemos na Grécia antiga, ela seria a grande deusa”, disse Marieta. Apesar de debilitada e andando de cadeira de rodas, Norma Bengell se levantou para agradecer. “Estou há oito meses sem sair de casa, estou aqui por vocês”, disse, emocionada, a atriz.

As cerca de duas horas de premiação contaram também com uma apresentação da cantora Thalma de Freitas e com a participação dos músicos Pedro Sá e Domenico Lancellotti, que improvisavam temas ao vivo como trilha sonora para os anúncios dos prêmios.

Veja abaixo a lista completa dos vencedores da décima edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro.

- Melhor Longa Nacional pelo voto popular: Tropa de Elite 2

- Melhor Longa Estrangeiro pelo voto popular: A Rede Social

- Melhor Documentário pelo voto popular: Dzi Croquettes

- Melhor Longa Documentário: O Homem que Engarrafava Nuvens, de Lírio Ferreira

- Melhor Longa Ficção: Tropa de Elite 2

- Melhor Filme infantil: Eu e Meu Guarda-Chuva, de Toni Vanzolini

- Melhor Direção: José Padilha, por Tropa de Elite 2

- Melhor Atriz: Glória Pires, por Lula, o Filho do Brasil

- Melhor Ator: Wagner Moura, por Tropa de Elite 2

- Melhor Atriz Coadjuvante: Cassia Kiss, por Chico Xavier

- Melhor Ator Coadjuvante: André Mattos, por Tropa de Elite 2 e Caio Blat, por As Melhores Coisas do Mundo

- Melhor Direção de Fotografia: Lula Carvalho, por Tropa de Elite 2

- Melhor Direção de Arte: Adrian Cooper, por Quincas Berro D’Água

- Melhor Figurino: Kika Lopes, por Quincas Berro D’Água

- Melhor Maquiagem: Rose Verçosa, por Chico Xavier

- Melhores Efeitos Visuais: Darren Bell, Geoff D. E. Scott e Renato Tilhe, por Nosso Lar

- Melhor Roteiro Original: Bráulio Mantovani e José Padilha, por Tropa de Elite 2

- Melhor Roteiro Adaptado: Marcos Bernstein, por Chico Xavier

- Melhor Curta Animação: Tempestade, Cesar Cabral

- Melhor Curta Documentário: Geral, Anna Azevedo

- Melhor Curta Ficção: Recife Frio, Kleber Mendonça Filho

- Melhor Longa Estrangeiro: O Segredo dos Seus Olhos (Argentina / Espanha), de Juan José Campanella

- Melhor Som: Alessandro Laroca, Armando Torres Junior e Leandro Lima, por Tropa de Elite 2

- Melhor Trilha Sonora: Guto Graça Mello, por O Homem que Engarrafava Nuvens

- Melhor Trilha Original: Jaques Morelenbaum, por Olhos Azuis

- Melhor Montagem Ficção: Daniel Rezende, por Tropa de Elite 2

- Melhor Montagem Documentário: Raphael Alvarez, por Dzi Croquettes

Fonte: eBand e Portal G1 via Novo Hamburgo.org