sábado, 5 de dezembro de 2009

Elenco de 'Tropa de elite 2' começa treinamento policial na segunda

Elenco de 'Tropa de elite 2' começa treinamento policial na segunda

Wagner Moura, André Ramiro e outros terão aulas com instrutor da Swat. 'O diretor quer o máximo de realismo possível', conta coordenador.

A partir da manhã da próxima segunda-feira (7), Wagner Moura, André Ramiro e outros atores de "Tropa de elite 2" terão uma missão a ser cumprida: começa o treinamento policial para as filmagens da sequência, que tem início previsto para o final de janeiro.

"O diretor José Padilha quer o máximo de realismo possível", conta o instrutor Marcos do Val, membro da Swat e presidente do Centro Avançado em Técnicas de Imobilização (Cati), que já capacitou mais de 45 mil policiais para operações de alto risco no Brasil e nos EUA. "O objetivo é transformar os atores em policiais, com técnica perfeita", afirma Do Val, que vai coordenar as aulas, no Rio.

Intensidade

O treinamento inclui técnicas de uso de armas, movimentação, condicionamento físico e estratégias de ação em áreas de risco. "O nível de intensidade das atividades vai depender do que a produção definir, estamos preparados para tudo", diz o instrutor, que acrescenta que o treinamento será mais pesado para aqueles atores que não participaram do primeiro filme. "Esses terão um intensivão. Os outros podem ter só uma revisão, mas isso se lembrarem bem das técnicas. Vamos ter que sentir o nível de instrução."

O instrutor conta que cerca de 15 atores vão participar dessa primeira etapa de treinamento, que deve durar uma semana. Uma segunda parte das aulas está agendada para meados de janeiro, misturando membros do elenco a policiais de verdade, que vão atuar como figurantes em "Tropa 2".

Policiais da vida real

Paralelamente ao treinamento de atores, Marcos do Val trabalha no recrutamento de policiais da vida real para ocupar uma das 50 vagas de figurante do longa-metragem. Segundo o instrutor, os figurantes vão participar de uma cena de grande porte, que "vai mostrar uma megaoperação do Bope [Batalhão de Operações Policiais Especiais do Rio], com uma quantidade grande de policiais em ação". "Vai ser muito impactante, certamente vai superar o primeiro filme", diz Do Val, que teve acesso ao roteiro de "Tropa 2". A trama da continuação ainda é mantida em segredo.

Até a tarde desta sexta (4), cerca de 300 policiais já tinham se candidatado a uma das 50 vagas de figurante do filme. "A procura é muito grande, porque aparecer nesse no 'Tropa' é mais do que uma grande oportunidade para esses policiais, é uma honra", diz.

Fonte: G1