terça-feira, 19 de maio de 2009

Depois de Capitão, Wagner Moura vai virar piloto de avião



Wagner Moura não tem o físico e rostinho de Reynaldo Gianechinni ou Cauã Reymond, mas hoje é, sem dúvida alguma, o ator mais requisitado de sua geração. Tanto que, mesmo longe da tevê desde 2007, ano em que brilhou como Olavo, em Paraíso Tropical, não tem pressa alguma de voltar às novelas. Pelo menos até 2011.

Em conversa com O Fuxico, a assessoria de imprensa do ator explicou o motivo:

“Wagner está trabalhando em três projetos, quase ao mesmo tempo. Além de atuar na peça Hamlet, há duas semanas começou a fazer um laboratório para VIP, seu próximo filme. Ele está aprendendo a pilotar avião, no Aeroporto de Jacarepaguá (Rio), para interpretar seu novo personagem. O longa ainda está em fase de pré-produção. Pouco tempo depois, Wagner começa a gravar Tropa de Elite 2”, conta o assessor do ator.

Em VIP, projeto de Fernando Meirelles, Wagner será Juliano de Souza, um homem que, em 2001, conseguiu se infiltrar na alta socidade brasileira se passando pelo empresário Henrique Constantino, dono da Gol.

Mais uma vez, Wagner Moura dará vida ao polêmico Capitão Nascimento. De acordo com sua assessoria, o ator está adorando a ideia de voltar a trabalhar com o diretor José Padilha.

“Tropa de Elite 2 ainda está sendo roteirizado, não dá para falar mais nada. Mas, sei que ele adorou fazer o primeiro e aceitou este novo trabalho, para voltar na parceria com José Padilha. Ele já conhecia o trabalho do diretor mas, até então, nunca tinha trabalhado com ele”, diz a assessoria de Wagner.

Fonte: O Fuxico