sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Sua Mãe toca de surpresa no Vale do Capão



O sol dizia adeus, por detrás das montanhas do Vale do Capão, na Chapada Diamantina, quando a Sua Mãe começou a tocar na praça da vila, na sexta-feira passada (02/01).

Então a banda, que tem Wagner Moura nos vocais, inundou o vale com sua combinação de rock inglês, brega, psicodelia, soul e rockabilly. [veja vídeo de uma das músicas] .

A apresentação começou às 18h, quando os trilheiros já haviam voltado das montanhas e os trabalhadores em geral estavam livres para viver os sonhos das sextas à noite.

Foi uma surpresa para todo mundo, inclusive para os músicos, que estavam passeando por lá e decidiram aproveitar o palco e a estrutura montados para receber, entre outras, a Folha de Chá, banda de reggae movida pela bateria de Gabriel Carvalho - o guitarrista-solo e diretor musical da Sua Mãe.

A Folha de Chá animou a vila por três noites na virada de ano no Capão. De Salvador, a banda já é bastante conhecida do público da Chapada porque suas músicas tocavam direto na rádio comunitária Intervale 93.1 FM.

A rádio foi fechada em agosto pela Anatel por não possuir autorização do Ministério das Comunicações para funcionar. Sem outro veículo de comunicação local (até mesmo a TV só pega se for por antena, o que proporciona apenas canais de outros Estados e países), os morades do Vale do Capão sofrem com a carência de novidades musicais.

Sexto show

E nada mais novo na Bahia do que a Sua Mãe. Esse foi o primeiro show do grupo no Capão e o sexto da trajetória: a banda até agora só tocou uma vez em Salvador (na Boomerangue), outra em São Paulo (Prêmio Moda Brasil) e três vezes em programas de televisão (no Circo do Edgar/Multishow e no Altas Horas/Globo).

"Para nós, foi muito divertido. Também foi um laboratório de palco", diz Gabriel Carvalho. O diretor musical esclarece que o repertório - todo em torno da temática do relacionamento amoroso - foi composto após profunda pesquisa do brega anos 70, no sentido de reverenciar grandes nomes da época, como Roberto Carlos, Odair José, Waldick Soriano e Mário Greik.

"Quando tocamos essas músicas, não estamos tirando sarro", explica, "e sim homenageando esses compositores que fizeram canções realmente muito bonitas".

O objetivo também é subverter estereótipos: se os antigos bregas ganham roupagem nova nos arranjos, os pops pós-modernos como Creep, do Radihead, são transformadas em algo mais baiano, no andamento do arrocha.

Assim, irreverência, sentimento e repertório original são três qualidades arrebatadoras do bando, formada também por Ede Marcus (guitarra base), Serjão Brito (baixo), Claudinho David (violão), Tangre Paranhos (teclado) e Leco (bateria).

Eclética

Sua Mãe trouxe alento para pessoas de todas as idades e gostos, que moram lá ou estavam visitando o vale. Quem curte rock gostou, quem se amarra em sertanejo, também. E os reggaeiros amaram quando Wagner cantou o hit "Bote aê" com a Folha de Chá.

"Eu adorei! Que voltem sempre! Por favor!", disse a cozinheira Maria Farias dos Reis, 51 anos, nativa do local e fã incontestável de Odair José, Reginaldo Rossi e Waldick Soriano.

E as músicas inéditas, que o público pôde ouvir pela primeira vez no Capão? "Não sabia cantar, não, mas achei lindas!", contou a amiga de Maria, Evanilde Guanaes Reis, 48, mais conhecida por dona Geni. E até a mãe dela, dona Antônia Reis, 79, foi para a praça da vila para dar uma olhadinha, atraída pelos refrões de hits bregas como "Eu vou tirar você desse lugar". E também verificar por onde andava o marido...

Turistas, mesmo sem entender português, elogiaram a sonoridade. A americana Judith Gambbler, 32, disse que ficou apaixonada pelo grupo. Queria levar um disco para casa, mas a banda só vai gravar um este ano. De qualquer forma, o próprio show foi todo registrado em formato digital e talvez seja disponibilizado, parcial ou integralmente, para o público, segundo Carvalho.

Para 2009, Sua Mãe está ampliando o repertório, cheia de projetos. Ótima benção foi abrir o ano no Vale do Capão, por entre as cadeias montanhosas cheias de cachoeiras, meditações silenciosas e pessoas felizes.

Conheça mais da banda em www.myspace.com.br/bandasuamae .

Fonte: A Tarde Online