sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Wagner Moura ganha o Prêmio Qualidade Brasil



Em um evento onde os ganhadores já sabiam o resultado da premiação, as estrelas chegaram praticamente na hora da entrega do Prêmio Qualidade Brasil, que aconteceu na terça-feira (25), no Clube Monte Líbano, em São Paulo. Antônio Fagundes chegou praticamente 15 minutos antes de subir ao palco do prêmio que teve apresentação de Evaristo Costa e Milena Ceribelli.

O global foi receber o prêmio de Melhor Ator de Dramaturgia, por sua atuação como Juvenal na novela das nove Duas Caras.

“O pessoal ainda me chama de Juvenal (...) É sempre bom ganhar um prêmio. Principalmente depois de tantos anos de carreira. Não sei quantos prêmios ganhei, mas acho que foram mais de 50”, disse ele, antes de receber o prêmio.

Ao receber o primeiro prêmio da noite, fez questão de agradecer e dizer que espera que “venham muitos mais pela frente, se Deus quiser”.

Além de Fagundes, Marcelo Médici, Edgard Piccoli, Danilo Gentili, do CQC, e Bira, do Programa do Jô, foram outras celebridades que prestigiaram a festa.

Marcelo Médici chegou sozinho, com um sorriso no rosto e um estiloso chapéu. Sua atuação na peça O Mistério de Irma Vap lhe rendeu o prêmio de Melhor Ator Teatral de Comédia.

“Estou super feliz por esse prêmio, especialmente pelo fato de ter sido uma votação feita pela internet. Mas, tenho que agradecer à Marília (Pêra), que é um gênio (...), e também ao Cássio Scapim. Pois, se não tivesse um ator talentoso ao meu lado, não estaria recebendo este prêmio”, lembrou o ator.

Quem também ficou feliz da vida com o prêmio foi Edgard Piccoli. O apresentador do Circo do Edgard, do Multishow, contou que este foi o primeiro prêmio que recebeu na carreira.

“Esta é a primeira vez que recebo um prêmio. Fico super feliz de ter o trabalho reconhecido. Mas, fico ainda mais mais orgulhoso por ter concorrido com programas muito bons”, disse ele, que pediu para que este seja o primeiro de muitos.

Ao receber o prêmio de Melhor Programa Humorístico pelo CQC, da Band, das mãos de uma das promotoras do evento, o repórter comediante Danilo Gentilli soltou a seguinte pérola:

“Posso devolver o prêmio e levar você?”, perguntou ele, arrancando risadas e abrindo a porta para que os presentes começassem a gritar e a bater palmas, cada vez que abria a boca para agradecer, impedindo que fizesse seu discurso de agradecimento.

O baixista Bira, do Programa do Jô, da Globo, foi receber o prêmio de Melhor Programa de Entrevistas e Melhor Apresentador de Programa de Entrevistas no lugar de Jô Soares.

“O Jô me deu a honra de receber esse prêmio no lugar dele. E esta já é a quarta vez que o programa recebe essa honra”, contou o baixista.

Ele fez questão de elogiar Jô Soares, dizendo ser ele um homem fiel e um grande amigo. Bira contou, inclusive, sobre a mudança da turma para a Globo, quando Jô conversou com os integrantes do sexteto e disse: “Se um disser que não quer ir, eu não vou”.

O evento trouxe uma novidade: além dos astros da televisão, cinema e música, premiou também os melhores esportistas brasileiros. O piloto Felipe Massa, a jogadora de vôlei Paula Pequeno e técnico da seleção feminina de vôlei, José Roberto Guimarães, foram premiados e fizeram questão de comparecer.

“Este ano foi excelente, e agora tenho muito trabalho para o ano que vem”, disse Felipe Massa ao chegar, acompanhado de sua mulher Rafaela Massa.

Apesar de não ter falado muito com a imprensa quando chegou, fez questão de agradecer ao apoio e carinho dos fãs brasileiros, ao receber o prêmio.

Wagner Moura, Marília Pêra, Leandra Leal e Denise Fraga foram algumas das celebridades esperadas na noite para receber o Prêmio Qualidade Brasil, mas não compareceram.

Vencedores da noite:

Melhor Ator Teledramaturgia

Antônio Fagundes – Duas Caras

Melhor Direção de Espetáculo Teatral Musical, Melhor Atriz Espetáculo Teatral Musical e Melhor Espetáculo Teatral Musical

West Side Story – Jorge Takla (diretor) e Bianca Tadini (atriz)

Melhor Ator Espetáculo Teatral Musical

Tom & Vinicius – O Musical – Marcelo Serrado

Melhor Direção Teatral Drama, Melhor Espetáculo Teatral Drama e Melhor Ator Teatral Drama
Hamlet – Aderbal Freire-Filho (diretor) e Wagner Moura (ator)

Melhor Atriz Teatral Drama

A Alma Imoral – Clarice Niskier

Melhor Espetáculo Teatral Comédia, Melhor Direção Teatral Comédia e Melhor Ator Teatral Comédia

O Mistério de Irma Vap – Marília Pêra (diretora) e Marcelo Médici (ator)

Melhor Atriz Teatral Comédia

Alma Boa de Setsuan – Denise Fraga

Melhor Atriz de Cinema

Nome Próprio – Leandra Leal

Melhor Ator de Cinema

Selton Mello – Meu Nome Não é Johnny

Melhor Filme e Melhor Diretor

Linha de Passe – Walter Salles e Daniela Thomas (diretores)

Melhor Programa com Temática Feminina e Melhor Apresentador de Programa com Temática Feminina:

Mais Você – Rede Globo (Ana Maria Braga, Tom Veiga [Louro José] e equipe)

Melhor Programa de TV por Assinatura:

Circo do Edgard - Multishow (Edgard Piccoli)

Melhor Programa de Auditório e Melhor Apresentador de Programa de Auditório:

Caldeirão do Huck – Rede Globo (Luciano Huck)

Melhor Programa de Entrevistas e Melhor Apresentador de Programa de Entrevistas:

Programa do Jô – Rede Globo (Jô Soares)

Melhor Telejornal Regional/SP e Melhor Apresentação de Telejornal Regional/SP
SPTV – Rede Globo (Chico Pinheiro e Carla Vilhena)

Melhor Programa Humorístico

C.Q.C – Rede Bandeirantes (Marcelo Tas, Danilo Gentilli, Marco Luque, Oscar Filho, Rafinha Bastos, Rafael Cortez e Felipe Andreoli)

Fonte: OFuxico
Texto editado por Andressa Santos