quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Wagner Moura participa de debate no Festival do Rio



"Ele não é só um rosto bonito e uma voz bonita narrando esse filme", diz o diretor Daniel Junge, no debate sobre o filme 'Mataram Irmã Dorothy'

"Ele não é só um rosto bonito e uma voz bonita narrando esse filme", disse Daniel Junge, diretor de "Mataram irmã Dorothy", definindo Wagner Moura. A apresentação do filme aconteceu nessa terça-feira, 29, no Centro Cultural do Rio de Janeiro, como parte do Festival do Rio.

Sorridente e bem-humorado, vestindo calça jeans, camisa social rosa claro e casaco marrom, Wagner mediou o debate que contou com o diretor do filme, Felício Pontes - procurador geral da república -, entre outros representantes da questão social e da terra no norte do país.

A presença de Wagner foi discreta. O ator abriu o debate com uma questão:

"Como a gente pode cobrar uma presença mais forte do poder público para que se faça justiça?". "Essa é uma questão complexa de se responder...", devolveu Felício.

Fonte: Ego