quarta-feira, 16 de abril de 2008

Wagner Moura agradece o prêmio de melhor ator por 'Tropa de Elite'



O filme 'O ano em que meus pais saíram de férias', de Cao Hamburger, foi escolhido o melhor filme do Grande Prêmio Vivo do Cinema Brasileiro, realizado na noite da última terça-feira no Rio de Janeiro. O grande vencedor desta edição da premiação, no entanto, foi Tropa de Elite, de José Padilha, que conquistou nove de 13 indicações, incluindo melhor diretor e melhor ator para Wagner Moura.

Tropa de Elite, por sua vez, ganhou ainda os prêmios de: efeitos especiais, montagem, som, direção de fotografia, maquiagem, ator coadjuvante (Milhem Cortaz) e melhor filme pelo voto popular.

Padilha não compareceu à cerimônia, realizada no Vivo Rio. De acordo com o produtor Marcos Prado, o diretor está com suspeita de dengue.

A festa do cinema brasileiro premiou ainda, entre outros, Santiago, de João Moreira Salles (melhor documentário), Hermila Guedes (melhor atriz, por O Céu de Suely) e Heitor Dhalia e Marçal Aquino (melhor roteiro adaptado, por O Cheiro do Ralo).

Fonte: Terra