sábado, 13 de outubro de 2007

Wagner Moura defende a legalização das drogas para pôr fim ao tráfico



"Não creio que a campanha seja mais eficaz do que a legalização do consumo', diz o ator, que está no longa "Tropa de Elite"

Wagner Moura escreveu um artigo para o jornal “O Globo” desta terça-feira, 25, em que critica a exaltação de seu personagem no longa “Tropa de Elite”, de José Padilha, e defende a legalização das drogas para pôr fim ao tráfico.

“Acho que já passou da hora mesmo de discutir esse assunto com honestidade... não creio que a campanha seja mais eficaz do que a legalização do consumo. O uso de drogas existe desde que o mundo é mundo e não vai ser a repressão que vai acabar com o consumo. Mas a legalização pode acabar com o tráfico.”

Sobre o sucesso de seu personagem no longa, o ator é enfático.

“Fico preocupado quando vejo o capitão Nascimento ser tratado como herói. Fico pensando como reagiria ao filme uma platéia sueca. Não creio que pensariam naqueles policiais torturadores como heróis, assim como muita gente que vê o filme aqui pensa.”

Fonte:Ego