sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Tropa de elite vai abrir o Festival do Rio



Longa de José Padilha tem estréia no circuito antecipada para outubro

Depois de virar um hit pirata nos camelôs e na internet, o filme “Tropa de elite”, do diretor José Padilha, vai abrir o Festival do Rio, dia 20 de setembro, em sessão de gala. Há cerca de um mês, uma versão não-finalizada do longa vazou, começou a ser comercializada em DVDs piratas e por download na web e virou um sucesso de vendas nesses mercados.

Com o vazamento, a distribuidora responsável pelo lançamento da produção no Brasil, a Paramount, decidiu também antecipar a estréia em circuito para 12 de outubro. Para a distribuidora, a pirataria pode prejudicar a performance do filme nas bilheterias.

A Paramount prepara uma campanha de lançamento de “Tropa de elite” que une a divulgação do longa à luta contra a pirataria. No comercial, que começa a ser exibido nos cinemas nas próximas semanas, a distribuidora quer deixar claro que o filme pirateado é diferente e incompleto em relação à versão oficial.

Escrito pelo roteirista de “Cidade de Deus”, Bráulio Mantovani, “Tropa de elite” é inspirado no livro “Elite da tropa”, que revela os bastidores da atuação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) em favelas cariocas. No elenco, estão Wagner Moura, Caio Junqueira e André Ramiro.

Por meio da Harvey Weinstein Company, o longa-metragem já tem distribuição acertada no exterior, onde será comercializado sob o título “Elite squad”.

Fonte: G1